Início / jornalismo / Administração do Rincão lança nova campanha de castração de animais de rua







Administração do Rincão lança nova campanha de castração de animais de rua

A Administração Municipal de Balneário Rincão lançou uma nova campanha de castração de animais de rua. Foram licitados mais 400 procedimentos que serão executados nos próximos meses. Pelos critérios estabelecidos serão disponibilizadas oito castrações por semana, com três liberadas para os moradores do município que estejam registrados no CadÚnico, três para a Ong e duas para as protetoras independentes.

Segundo a responsável pelos agendamentos de castrações, Jucélia Schipinski, os procedimentos são realizados nas quartas-feiras, das 13h30min às 17 horas. Os animais a serem castrados deverão ser desverminados sete dias antes e passar o remédio anti-pulgas três dias antes. Segundo Jucélia, as protetoras de animais terão que fazer um recadastramento para terem direito de agendar as castrações para os animais que estão sob os seus cuidados.

Feira de adoção – A ong responsável para ajudar os animais de ruas de Balneário Rincão é a OPA, que tem feito um trabalho para amenizar o problema. No sábado, dia 11, a OPA realizou para uma feirinha de adoção. A feira foi realizada no estacionamento da Agropecuária Laurindo, no bairro Pedreira. A equipe de voluntários que esteve trabalhando conseguiu a doação de 16 cachorros, sendo oito filhotes e seis cães adultos. Também um filhote de gato foi adotado.

Para a entrega dos animais para os novos lares, a equipe da OPA preenche um termo de responsabilidade dos novos donos. "Ficamos na expectativa de que os animais ganhem um novo lar, mas queremos que sejam pessoas que venham trata-los com carinho", destaca a presidente da OPA Emiliana Teixeira Duarte. No mês de setembro, a OPA fará um café colonial beneficente para arrecadação de recursos visando à construção de um canil. "Na verdade não estamos chamando de canil e sim uma casa de passagem já que a intenção e coloca-los no local de forma temporária até encontrarmos um lar definitivo", explicou Emiliana.


(Info: José Adílio/Rincão)






COMPARTILHE:






Mais Lidas