Início / jornalismo / Decisão judicial beneficia candidata do PT e deixa Guidi fora da Câmara







Decisão judicial beneficia candidata do PT e deixa Guidi fora da Câmara

Uma decisão do Tribunal Regional Eleitoral tirou a cadeira de Ricardo Guidi como deputado Federal eleito. Os magistrados do Tribunal Eleitoral Catarinense resolveram reconhecer, por quatro votos a três, o registro de uma candidata petista que disputou o pleito de Outubro.

A candidata em questão fez apenas 491 votos, mas o número é suficiente para mexer na composição dos eleitos. Com os votos, o PT garante legenda suficiente para eleger mais um deputado e faz o PSD perder uma cadeira.

No novo cálculo o PT, que havia eleito apenas o deputado Pedro Uczai, garante vaga para Ana Paula Lima. Já o PSD perde justamente o posto de Ricardo Guidi. A decisão ainda pode ser alterada, mas por ora, Ricardo passa a ser suplente.






COMPARTILHE:






Mais Lidas